Idiota, mas só por uma semana

Quando se está trabalhando com desenvolvimento de sistemas, principalmente na fase de implementação, é comum perdermos muito tempo resolvendo problemas não planejados. Isto é, em sua maioria, não estimados, que por consequência, não cobrados.

Em geral pensamos que faz parte. Porém, em alguns destes problemas, para não dizer a maioria, depois de resolvermos, ficamos com cara de idiotas, olhando a besteira que foi para resolvê-lo. Praticamente uma linha de código modificada e pronto. Tudo resolvido. Mas e quase uma semana que foi para descobrir que o problema era só aquela linhazinha? Passou tão rápida que nos reforça ainda mais a cara de idiota.

A pouco tempo tive um dessas.

Sou bem metódico ao colocar comentários no código. Mas o que me deixou fulo, foi não lê-los. Justamente aquilo que é feito para nos ajudar, atrapalhou.

Bem, vai a dica depois de um tempo tentando colocar o AutoComplete do Ajax Control Toolkit para funcionar sem sucesso.

Depois de seguir o passo-a-passo das video-aulas, ler todos os exemplos possíveis e imaginários, ter certeza que não há nada mais para ser mudado, e mesmo assim continuar não funcionando sem aparecer nenhum erro para dar uma dica que seja, DESCOMENTEM A SEGUINTE LINHA:

// To allow this Web Service to be called from script, using ASP.NET AJAX, uncomment the following line.
//[System.Web.Script.Services.ScriptService]  <– Esta linha
public class AutoComplete : System.Web.Services.WebService
{
….
Pronto.

E todos viveram felizes para sempre…

 

 

 

 

… mesmo que com cara de idiota.

Publicado em outubro 19, 2008, em Uncategorized e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Eu passei por uma dessas no trabalho, há umas duas ou três semanas.
    O problema era que o programa inseria um registro zerado no bd. Revisando o código em C++ milhões de vezes, percebi que o parser estava certo. Até que percebi que o campo que era inserido no campo era authorizationNumber enquanto que o campo que deveria ser inserido era authorizationCode. Um nome desgraçado de variável.
    Com esse problema corrigido, outro apareceu: um campo que o programa deveria gerar desapareceu. Dois dias pra descobrir que faltava uma linha no SQL de geração.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: